5 dicas do Enjoy Surf Project para teres uma evolução mais consciente em 2022

13/01/2022

Por mais motivação que tenhas no início da tua jornada no surf, poderás chegar a um ponto em que a tua evolução fica mais estagnada e em que passas muito tempo na água sem que a tua evolução seja visível. 

 

Mas não te preocupes, segue os conselhos do Diogo do Enjoy Surf Project, o treinador de surf principal de uma equipa multidisciplinar especializada em surf intermédio e avançado, e vais ver como o teu percurso como surfista se torna mais estimulante e a tua evolução mais rápida!

1. Define um objetivo

Esta dica é aplicável não só no surf mas em qualquer área da tua vida na qual queiras evoluir.

 

O teu objetivo deve ser:

  • Específico
  • Mensurável 
  • Desafiante
  • Realista
  • Temporal

 

Vou explicar-te em seguida cada ponto em detalhe.

 

Específico

Sê claro sobre onde queres chegar. 

Consegues imaginar o objetivo que queres alcançar na tua cabeça? Então estás no caminho certo! 

 

Mensurável

Deves conseguir medir a tua evolução no rumo ao teu objetivo proposto. Uma dica pode ser criares “mini metas” que te permitam ter uma percepção mais objetiva da tua evolução. Por exemplo: ter uma técnica correcta de utilização dos braços durante o Cutback de frontside, ou ter um poder de decisão rápido sobre a linha de onda e que manobra escolher em cada secção.

 

Desafiante

Se o teu objetivo for demasiado fácil vais cumpri-lo muito rapidamente e sem que tenhas que te empenhar muito. Um objetivo deste tipo poderá ser um bom mini-objetivo, que te dará motivação extra para alcançar o teu verdadeiro objetivo.

 

Realista

Se o teu objetivo for entrar em campeonatos mundiais de surf quando começaste a surfar somente este ano… se calhar estás a exigir demasiado de ti mesmo. O que vai levar a que fiques desmotivado. Em vez disso, define um objetivo que te leve a dar o melhor de ti mas que seja algo que consigas alcançar.

 

Temporal

Sem um prazo para cumprir o teu objetivo, corres o risco de nunca o cumprir… porque tens muito tempo e então vais adiando indefinidamente. Por isso, quando definires o teu objetivo, estabelece uma data limite para que o mesmo seja alcançado. 

 

Chegando a essa data, se não o tiveres cumprido, então está na altura de estabeleceres um novo objetivo que consigas cumprir.

2. Vê-te a surfar

Este é, a nível técnico, o conselho que te vai trazer mais resultados diretos! Filma-te a surfar e vê se estás a ir na direção que queres. Os pontos fortes do teu surf estão de acordo com o teu objetivo? Com o estilo que queres ter? Relativamente aos pontos fracos, que erros estás a cometer? Que padrões de movimento te estão a fazer falhar? 

 

Quando fizeres a análise técnica ao teu surf (podes consultar-nos aqui para ajuda profissional), faz as adaptações e correções necessárias e vai para a água com consciência nos movimentos que queres melhorar!

3. Treina fora da água

Mesmo surfistas de alta performance num treino de 1 hora muitas vezes não chegam a 2 minutos de onda, ou seja, estão menos de 2 minutos em pé na prancha de surf.

Um surfista de nível intermédio passa, em média, cerca de 45 segundos em cima da prancha durante um surf de uma hora. Se estiveres neste nível e surrares duas vezes por semana vais ter aproximadamente apenas 1:30min de treino real de surf, ou seja, menos de dois minutos. Este tempo de treino real é insuficiente para atingires o teu máximo de performance, mesmo que sejas um surfista recreativo.

A solução é treinar fora de água. Simula movimentos de surf no chamado dry land, ou seja, fora de água, no chão. Treina os movimentos que identificaste no ponto 2. Os padrões que te estão a fazer falhar dentro de água ou que não estão de acordo com o estilo que tu queres ter, corrige-os no chão, depois passa para um balance board, em seguida treina-os num skate e aí, quando fores tentar fazê-los dentro de água, já vais ter conseguido ganhar memória muscular e consciência corporal relativamente a esses movimentos e vais ver que consegues muito mais facilmente aplicar essas correções.

4. Põe os fatores externos a favor da tua evolução

Na Enjoy identificamos como fatores externos à técnica do surfista o: tipo de onda escolhido, prancha de surf e condição física. A melhor forma de explicar este ponto é com um exemplo. Imagina que és regular e queres melhorar o teu Roundhouse Cutback de Frontside.

 

Então, os fatores acima abordados devem ser escolhidos de forma a favorecer o teu treino, portanto, deves escolher surfar uma onda para a direita, comprida para te dar espaço de realizares curvas largas, com uma prancha com flutuação suficiente para manter velocidade na curva, e tu deves estar forte e saudável para teres o melhor ritmo possível durante a sessão!

5. Encontra um profissional

Surfcoaching Enjoy Surf project

Existem em Portugal vários profissionais qualificados para te ajudar a chegar ao teu objetivo. Na Enjoy Surf Project somos uma equipa multidisciplinar composta por mim, o treinador principal, uma equipa de imagem e um treinador físico. Trabalhamos há 5 anos e já demos mais de 2000 treinos, por isso temos bastante experiência e todas as competências necessárias para te ajudar a evoluir. 

 

Quando escolheres um profissional para te ajudar, certifica-te que têm métodos de trabalho alinhados! Horários de treino, métodos de treino e formas de pensar que se completem. Só assim vais acrescentar algo ao teu caminho!

Dica extra: a disciplina deve ser superior à motivação

É humanamente impossível estar motivado 24h por dia, 7 dias por semana. É a disciplina que faz a diferença na evolução. É a disciplina que te mantém no rumo certo mesmo nos dias em que te falta a motivação e é ela que te vai permitir atingir o teu objetivo.

Conclusão

O passo mais importante para atingires o teu objetivo é precisamente começar por defini-lo! Garante que o mesmo é específico, mensurável, desafiante, realista e finito. Depois, para conseguires maximizar a tua evolução, estuda os vídeos das tuas sessões de surf e tenta corrigir as falhas que estás a cometer em treinos fora de água. Considera os fatores externos que influenciam a tua evolução, tais como a tua própria condição física, as condições da tua prancha e as das ondas que escolhes apanhar.

 

Finalmente, escolhe um profissional que te consiga ajudar a chegar mais rapidamente ao teu objetivo!

 

Através da aplicação destas dicas, vais ver que o surf se torna ainda mais divertido e desafiante!

 

E agora, bora surfar? 🌊

Partilhar:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Blog
Últimos artigos

O que queres vender?

Dá uma segunda vida ao teu equipamento de surf. 

Prancha de surf

Fatos de surf

Equipamentos

Anúncios em segunda mão

Todos os anúncios de equipamento de surf em segunda mão

Pranchas de surf

Shortboard

Longboard

Mini-malibu

Prancha de espuma

Fatos de surf

Acessórios

Profissionais

Encontra os profissionais para melhorar a tua vida de surfista.

Escolas de surf

Shapers

Aluguer de pranchas

Surfcoachs

Surfshops

Surfcamps